Hidratação em cabine: um santo remédio para a pele!

O verão ainda nem terminou e você percebe que sua pele está seca e parece envelhecida? A razão é uma só: ela precisa de água. Não espere terminar a estação do sol para reverter esse processo. Medidas simples, como beber bastante líquido são primordiais.

shutterstock_194678060O consumo adequado de água contribui para a absorção dos nutrientes necessários ao equilíbrio da pele, ajuda na eliminação de toxinas que a danificam e envelhecem precocemente e promove uma hidratação de dentro para fora. Quando desidratada, ela se torna áspera e perde elasticidade.
A dermatologista Jomara Estefaneli, do Instituto da Pelle, no Rio de Janeiro, diz, ainda, que a pele produz uma barreira lipídica para evitar a perda de água por fatores externos e que é essencial usar produtos que a reponham, como os que contêm ureia.
“Outros hidratantes promovem o aumento dos canais de água, as chamadas aquaporinas, proteínas responsáveis pela circulação de água, gerando uma hidratação mais profunda. Já os óleos criam uma barreira que ajuda a evitar sua perda pela evaporação. Na verdade, causam uma falsa impressão de pele hidratada,” esclarece.
No rosto, o uso de um sabonete adequado é importante para não causar mais ressecamento. “Sabonetes antissépticos, por exemplo, nunca devem ser usados rotineiramente e sem prescrição médica,” alerta a especialista. “Água termal é um ótimo adjuvante na hidratação, inclusive dos cabelos, após a praia ou piscina,” indica.
Tônicos contendo álcool podem agredir e ressecar demais, mesmo as pele mais oleosas. Também há risco de hipersensibilização e manchas, se houver exposição solar.
“O hidratante do corpo nunca deve ser usado na face,” ensina. A médica recomenda, ainda, esfoliação facial e corporal uma vez por semana para eliminação das células mortas e melhor absorção do hidratante. “A melhor hora para usar o produto é após o banho, quando a pele está mais ávida por absorvê-lo,” conclui.
Comece já a hidratar a sua pele. Lembre-se de que sucos e água de coco são ótimos aliados e que refrigerantes não valem!

Hidronutrição em cabine
shutterstock_210797188O objetivo é hidratar em profundidade peles muito desvitalizadas, desidratadas e envelhecidas por agentes externos ou excesso de tratamentos químicos. A hidronutrição também pode ser indicada entre protocolos mais agressivos ou como complemento a eles.
É contraindicada em gestantes, peles oleosas ou acneicas e portadores de marca-passo (devido à ionização). No mesmo dia, não podem ser feitos peelings e microdermoabrasão.
1. Higienização: com sabonete Bioage para peles normais e secas, inclusive as sensibilizadas por peelings.
2. Esfoliação: com esfoliante Bambu Bioage, com talo de bambu, sílica de arroz, ácido glicólico e ativos que esfoliam, revitalizam e hidratam.
3. Tonificação: com tônico Bioage, ideal para peles normais e secas. Extratos de pitanga e açaí ajudam a equilibrar o pH da pele.
4. Ionização: com Oligo Plus Medicatriz. Normaliza, hidrata, suaviza e nutre.
5. Massagem lifting: com Ortho Mousse de Coco Bioage, com vitaminas B1, B2, E e oligoelementos como ferro, zinco, aminoácidos, silício orgânico, água e polpa natural de coco. Ação nutritiva e hidratante. O óleo essencial da polpa de coco facilita a permeação dos ativos da máscara.
6. Máscara hidratante: BIO Genetic Mask Bioage, ajuda a promover a coesão entre camadas da pele e a sua renovação celular. Com extrato de algodão e de algas, própolis, betaglican, aloe vera, óleo de algodão e de rosa-mosqueta, acalma e hidrata.
7. Máscara oclusiva: Máscara Hidroplástica Plus Medicatriz, hidratante e normalizadora, contribui para a absorção do ativo aplicado.
8. Hidratante: Bio-Sun Block Bioage FPS 30 com tonalizante, de rápida absorção.
Indicação: três a dez sessões intercaladas, duas vezes por semana
Fonte: Vanessa Zanardo, esteticista da Onodera Curitiba



WordPress Video Lightbox