Dieta volumétrica: emagrecer sem excluir alimentos do cardápio

Woman eating cookieDieta! Só de pensar nessa palavra já vem a sensação de fome. Muitos associam dieta com “fechar a boca”, “passar fome” e outras conotações que vinculam com comer pouco. O fato é que se as calorias foram bem distribuídas não passamos fome e emagrecemos com tranquilidade, sem ativar o Gatilho da Ansiedade e sem criar aquela vontade de ter sempre algo para mastigar
Uma das dicas da nutróloga e gastróloga Liliane Oppermann é apostar nos alimentos que são pouco calóricos, mas criam volume. Parece estranho, mas são alimentos que vão muito além das folhas de alface.
AS MUDANÇAS E SUBSTITUIÇÕES
Começamos pelo famoso “arroz com feijão”. Em muitas dietas o arroz é o primeiro a ser reduzido ou cortado da alimentação. Mas e se conseguirmos manter o volume e reduzir apenas as calorias? Vamos lá, uma dica é cozinhar uma xícara de arroz e numa outra panela um pé de couve flor. Pique a couve-flor em tamanhos bem pequenos semelhante ao tamanho do arroz e misture os dois e pronto! A aparência, consistência e o aroma ficarão iguais ao de um arroz comum. “Outra dica é evitar bater e liquidificar com o intuito de pensar que o líquido ajuda a emagrecer. Em vez de suco no café da manhã, coma a fruta em pedaços, com exceção da sopa, claro, que deve ser consumida de fato como um creme”, sugere a médica. Porém, isso não nos impede de acrescentar lascas de frango e pedaços de legumes.
Comidas como bolo de chocolate, estrogonofe, brigadeiro e pizza, por exemplo, podem e devem ser consumidos nessa dieta, que acredite, eles farão você emagrecer! “Só devemos aprender a substituir alguns ingredientes, que nem farão tanta diferença no sabor, mas muita na quantidade calórica e de gordura. O ideal é fazer essa dieta com acompanhamento médico, para que seja realizada de forma eficiente e te faça perder peso”, explica a médica.
Outra novidade é encaixar ao longo do dia chás e gelatina dietética, pois aumentam volume sem agregar calorias. Nos finais de semana que comumente incluímos massas, em vez se ficar na macarronada com molho vermelho, inclua vegetais e substitua a massa tradicional pela massa integral, nesta troca você aumentara as fibras gerando mais saciedade e conseguirá reduzir as calorias mantendo o mesmo volume no prato. “A substituição da carne vermelha por peixe também reduz pela metade as calorias numa mesma porção. Além de truques como incluir um iogurte junto à fruta no lanche da tarde, ou cenoura ralada e ricota no pão integral, aumentando proteína e promovendo saciedade”, finaliza Liliane.

Fonte: Dra. Liliane Oppermann (CRM 123314) é médica nutróloga, com título de Especialista pela ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia) e Ex-Diretora da Associação Médica Brasileira de Ortomolecular (AMBO). É capacitada em Nutrologia Esportiva, Diabetes, Obesidade Infanto Juvenil e em acompanhamento pré e pós Cirurgia Bariátrica. Pós-Graduada em Gastronomia Funcional, Coach pela Sociedade Brasileira de Coaching, Palestrante com diversos temas na área da saúde física, emocional e alimentação saudável para público leigo ou profissionais da área. Desde 2002 se dedica ao Estudo da Obesidade. Elaborou o Método de Emagrecimento Dieta DC em 2008 e junto com a Prática Ortomolecular vem acompanhando seus pacientes.



WordPress Video Lightbox

    ENTRE EM CONTATO.
    FALE CONOSCO OU ENVIE SUA MENSAGEM AGORA MESMO.
    AQUI, NO SITE BELEZA TODAY, ESTAMOS SEMPRE PRONTOS A ATENDER A SUA SOLICITAÇÃO!


    comercial@belezatoday.com.br | tel.: (+55 21) 2284-4336