Confira 4 tratamentos dermatológicos com aparelhos

A chegada das estações com temperatura mais baixa liberam alguns procedimentos dermatológicos que não são tão recomendados nos períodos mais quentes. “Como muitos procedimentos são fotossensibilizantes e o sol pode danificar a pele, o ideal é fazer esses tratamentos no inverno, um período em que a incidência dos raios UV é menor. No inverno, é permitido fazer lasers ablativos (aqueles que machucam a pele), lasers fracionados ablativos, luz intensa pulsada, peelings e ácidos mais fortes”, afirma o dermatologista Dr. Abdo Salomão, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia. Confira abaixo as indicações do médico:

PARA MANCHAS
O que há de efetivo? Vektra QS by Solon
Como age? “É uma novidade usada no tratamento de melasma, manchas e remoção de tatuagens. Ele tem duração de pulso de 15 nanosegundos e é fracionado, único no mercado que tem essas características. Solon Vektra age no melanócito (células produtoras de melanina) impedindo a célula de liberar o pigmento para as células mais superficiais. É como se o melanócito guardasse o pigmento para ele”, explica o Dr. Abdo. Para manchas solares não-melasma, uma sessão ou duas já é o suficiente. Para o melasma, uma sessão a cada 15 dias, em um protocolo de oito sessões.

PARA RUGAS E FLACIDEZ
O que há de efetivo? Total Lift By Solon.
Como age? Em apenas uma sessão, Total Lift by Solon trata de maneira eficiente flacidez e rugas faciais, justamente porque age em quatro camadas da pele: músculo, derme profunda, derme superficial e epiderme. A grande vantagem é que promove lifting facial de forma não invasiva. “O equipamento é composto de ultrassom microfocado, que age no músculo e provoca efeito lifting não cirúrgico, atuando na derme para estimular a produção de colágeno”, fala o dermatologista. A sessão seguinte é somente no outro ano.

PARA GORDURA LOCALIZADA E CELULITE
O que há de efetivo? LMG Smart Laser
Como age? LMG Smart Laser reduz mais gordura localizada que a criolipólise e em apenas uma sessão! “É um laser de fibra ótica com comprimento de onda de 1470 nanômetros e com alta afinidade pela gordura. Por meio de um pequeno furo, o laser é aplicado, elevando a temperatura dos adipócitos a mais de 100ºC. Isso promove a quebra da gordura, que vira óleo e é eliminada pelo organismo naturalmente”, explica o Dr. Abdo. O equipamento também age nos septos fibrosos, tratando a celulite. “O furo cicatriza sem precisar de ponto. O procedimento praticamente não dói, porque é aplicado justamente em uma região onde não tem terminação nervosa de dor”, explica o médico. “Quanto ao tempo de recuperação, é de um ou dois dias no máximo”.

PARA AS ESTRIAS
O que há de efetivo? Eletroderme by Solon
Como age? É um sistema de radiofrequência microagulhada. “As agulhas de ouro ultrapassam a epiderme, emitindo ondas eletromagnéticas apenas nas camadas mais profundas da pele, preservando a superfície. Isso faz com que a temperatura da derme chegue até a 70ºC, estimulando a produção de colágeno e refazendo as fibras rompidas”, afirma o dermatologista Dr. Abdo. A ação do Eletroderme provoca o estímulo da regeneração celular por meio do processo de cicatrização, a proliferação de células-tronco e estímulo da síntese de elastina, da neocolagênese (produção de colágeno) e angiogênese (proliferação de vasos sanquíneos). São necessárias, em média, quatro sessões com intervalos mensais.

Fonte: A LMG – Laser Medical Group



WordPress Video Lightbox

    ENTRE EM CONTATO.
    FALE CONOSCO OU ENVIE SUA MENSAGEM AGORA MESMO.
    AQUI, NO SITE BELEZA TODAY, ESTAMOS SEMPRE PRONTOS A ATENDER A SUA SOLICITAÇÃO!


    comercial@belezatoday.com.br | tel.: (+55 21) 2284-4336