Caspa na sobrancelha também existe e pode causar descamação

A caspa é o nome que vulgarmente descrevemos as escamas brancas prateadas ou amareladas que normalmente estão presentes no quadro clínico da dermatite seborreica, com períodos de exacerbação e surgimento de coceira, ardência, desconforto e vermelhidão presentes no couro cabeludo – e não só nele. Sim, a caspa pode acometer outras regiões do corpo, como as sobrancelhas. E por que isso acontece? “Mesmo que a fisiopatogenia da doença ainda não seja 100% esclarecida, sabemos que a caspa é resultado de alguns fatores principais, como uma predisposição genética à caspa, a presença do fungo Malassezia globose na pele, e o comprometimento das glândulas seborreicas, que produzem óleo por vários gatilhos como stress, falta de sono, fadiga crônica, ingesta de alimentos gordurosos, bebidas alcoólicas, medicamentos, na doença do Parkinson e outras doenças neurológicas, e alguns medicamentos”, afirma  a dermatologista Dra. Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

            Durante as estações mais frias do ano (outono e inverno), com a queda da temperatura, deixando os dias mais frios e secos, os banhos se tornam mais longos e quentes e isso também acaba irritando a região da testa, que pode sofrer com uso de cosméticos inadequados, como um sabonete facial mais abrasivo e alguns produtos secativos. “Nesses casos em que a pele fica ressecado, ocorre a produção rebote de óleo ou sebo na tentativa de proteger a região que recebeu este tipo de agressão”, afirma a médica.

            Para tratar as sobrancelhas com caspa, o dermatologista deve ser consultado. “O paciente deve limpar suavemente a região com shampoo anticaspa (que traz ativos para tratar a alteração por completo) ou um creme antifúngico em caso de descamação mais severa”, afirma. O médico também pode prescrever tônicos com Defenscalp, que preserva a microbiota da pele e do couro cabeludo, podem ser indicados. “Outra indicação atual e que ajuda muito na terapêutica via oral é o uso de probióticos principalmente o Lactobacillus Paracasei com a Biotina e a Piridoxina em associação na melhora imunológica no controle da microbiota para evitar a proliferação fúngica quase sempre presente na dermatite seborreica crônica”, diz a médica.

Para os que sofrem com o problema, alguns hábitos também devem ser evitados: manter os dedos longe de suas sobrancelhas com caspa; evitar substâncias que possam causar mais irritação, como ácidos e secativos como peróxido de benzoíla e outros medicamentos para acne; controlar o estresse; e, claro, diminuir a temperatura do banho. Em todo caso, visite sempre um dermatologista em qualquer alteração na pele ou cabelo.



WordPress Video Lightbox
ENTRE EM CONTATO.
FALE CONOSCO OU ENVIE SUA MENSAGEM AGORA MESMO.
AQUI, NO SITE BELEZA TODAY, ESTAMOS SEMPRE PRONTOS A ATENDER A SUA SOLICITAÇÃO!


comercial@belezatoday.com.br | tel.: (+55 21) 2284-4336