Vamos envelhecer. Mas como?

Por Profª Ismara Brandão Esteticista, Cosmetóloga, Psicopedagoga e Especialista em Ácidos, Protocolos Faciais, corporais e capilares.

AÇÃO SINERGICA DOS AMINIÁCIDOS, MINERAIS E VITAMINAS

Entende se como envelhecimento uma serie de alterações que vão ocorrendo no organismo ao longo do tempo vivido. segundo o IBGE -Instituto brasileiro de geografia e estatística ,o Brasil esta deixando de ser  um país jovem para um país velho ,devido a queda na taxa de natalidade e o aumento da expectativa de vida ,que atualmente esta em 71,3 anos e para 2050 a  expectativa de vida será 81 anos.

O envelhecimento é um processo de mudanças nas funções estruturais do corpo que o torna mais suscetível a uma série de fatores prejudiciais como:

Falha do Sistema imunológico – O sistema imunológico é um dos mais importantes do sistema de integração do organismo, no qual a capacidade do próprio corpo de reconhecer o invasor. È complexo e compreende diversos tipos de células ,linfócitos e monócitos, macrófagos providos de receptores e marcadores . O declínio da função do sistema imunológico estes intimamente ligados ao processo de envelhecimento.

 

Renovação Celular – Comprometimento pela incapacidade das células se dividirem (mitose) e perdem por completo a sua função, chegando a apoptose celular. A medida que as células se dividem ( processo conhecido como mitose ),seus telômero (sequência do DNA ) , vão se encurtando até desaparecerem e finalmente perderem sua capacidade de renovação.

TEORIA DO ENVELHECIMENTO

Segundo o Dr. Denham Harman, pai da teoria do envelhecimento pelos radicais livre, esse processo provavelmente se inicia na mitocôndrias, a fornalha aquecedora das células. O Dr. Harman descobriu que, no momento em que se consome mais calorias, há um número maior de reações de energia e consequentemente aumento da necessidade de oxigênio, que vai  traduzir no surgimento de mais radicais livres.

RADICAIS LIVRES

OS RADICAIS LIVRES são átomos ou moléculas que tem elétrons não pareados em sua orbita externa e capturam elétrons de outras substâncias através do processo conhecido como oxidação, provocando a destruição e morte celular. São vilões naturais do organismo, produzidos por reações bioquímicas do oxigênio. Reações que resultam em verdadeiros LIXO TÓXICO.

São substâncias instáveis que se multiplicam em cascatas, tem uma vida extremamente curta e são interceptadas pela ação  de agentes antioxidantes enzimáticos . Várias são as fontes de radicais livres dentro do organismo. O Sol, a radiação, medicamentos, alimentos, conservantes e estabilizantes .

MECANISMO E BIOQUIMICA DOS RADICAIS LIVRES DE OXIGÊNIO

100% do oxigênio inspirado pelo mecanismo da respiração, 95 a 98% são convertido em TRIFOSFATO DE ADENOSINA-ATP via citocromo oxidase com participação de quatro elétrons que se reduzem  2 a 5%,  a mais desse oxigênio é convertido em radicais livres, acompanhando a seguinte sequência cronológica:

O oxigênio ganha um elétron e se converte em superóxido como fonte endógena, para sua formação, temos as reações  de oxidação realizadas pelas mitocôndrias, através da fosforização oxidante, que resulta em energia celular; processo de fagositose realizado  por neutrófilos polimorfonucleares; reações oxidativas das enzimas  como catalase, superóxido dismutase (SOD) e glutadiona (GSH) peroxidase; produção de ácido úrico  e o metabolismo do ácido araquidônico das membranas  celulares. Como fontes exógenas temos a radiação solar, pesticidas, poluição ambiental, fumaça de tabaco, certos medicamentos, dentre outros.

Deste fato veio a hipótese que uma das causas do processo do envelhecimento se deve as reações provocadas pelos radicais livres que no recorrer dos anos se tornam mais reativos e   por razões quânticas ,estáveis.  Uma ineficiência crescente de nossas defesas naturais antioxidantes, com o passar dos anos ,aumenta a concentração de radicais livres que deveriam ser neutralizados por substâncias como  VITAMINAS  ANTIOXIDANTES -C e E e oligosminerais, como SELÊNIO, ZINCO, MAGNÉSIO, MANGANÊS, COBRE e OURO

Cerca de 1% do oxigênio absorvido pelo organismo sofre mudanças e transforma se em espécie reativas de oxigênio – ROS, que são moléculas muito reativa.

Oxigênio + 1 elétron = superóxido (02)

Superóxido + 1 elétron = peróxido de hidrogênio ou água oxigenada (H2O2)

Peróxido de hidrogênio + 1 elétron = radical hidroxila (OH)

Radical hidroxila + 1 elétron + hidrogênio = água

SUBSTÂNCIAS ATIVAS  NO COMBATE AO ENVELHECIMENTO CUTÂNEO

Os elementos ou ativos mais importantes a serem utilizados  são os  ANTIOXIDANTES, com potencial de melhorar o processo circulatório e ao mesmo tempo, aumentar a oxigenação por parte dos tecidos que estão sofrendo um processo isquêmico por alterações na sua  circulação.

AMINOÁCIDOS

Aminoácidos – São elementos essenciais das Proteínas e permitem Sintetizar as vitaminas, minerais e os próprios aminoácidos para que estes atuem adequadamente no sistema bioquímico principalmente no metabolismo.  Auxiliam no intercâmbio de nutrientes entre os fluídos intracelulares, tecido, sangue e vasos linfáticos. Regulam o balanço hidroeletrolítico e também mantém o PH do meio interno. A carência dos aminoácidos prejudicam a absorção de nutrientes e dele próprio. Provocam alterações hídrica  levando a edemas.Alguns aminoácido funcionam como neurotransmissores.

São classificados em:

Essenciais Aa. Não sintetizados no organismo.

Fenilalamina, Histidina, Valina, treonina, triptofano Isoleucina, Metionina, Histidina, Lisina, Leucina

Não essenciais Aa.  Podem ser elaborados no organismo por outro aminoácido ou obtido por meio de dieta.

Alanina, Asparagina, Aspartato, Arginina, Ácido glutâmico, Cisteína, Cistina, Citrulina, Carnitina, Glutamato, Glicina, Prolina, Serina, Tirosina, Ornitina, Taurina, etc…

Os aminoácidos se ligam por convalência entre si formando uma ligação peptídeas. Portanto, os aminoácidos são peptídeo muito utilizados na formulação dos cosméticos  biotecnológicos com função reparadora, regeneradora, hidratante, nutritiva e rejuvenescedora.

A Lisina e a Prolina são aminoácidos envolvidos na proteção e na formação do colágeno, que é um fator importante para manutenção da integridade das paredes arteriais. A Carnitina é um aminoácido com potencial de estimular a gordura marron, assim como, diminuir ou normalizar os níveis de triglicerídeos e colesterol. A Carnitina potencializa a entrada de ácidos graxos nas células para serem utilizados como uma fonte importante de energia .

DIMETILMINOETANOL-DMAE – Antioxidante que oferece resistência e estabilidade para membrana de células plasmáticas ,deixando menos suscetível aos danos causados pelos radicais livres,promove também a síntese do ácido araquidônico e de mediadores pró inflamatório.

AS VITAMINAS

São substâncias orgânicas especiais que atuam ao nível celular como desencadeadora da atividade de muitas enzimas de relevante importância no metabolismo do seres vivos.

São produzidas habitualmente nas estruturas das plantas e por alguns organismos unicelulares.  As vitaminas são classificadas em dois grandes grupos de acordo com sua solubilidade

HIDROSSOLUVEL – Vitamina C  e Complexo B

LIPOSSOLUVEIS – Vitamina E

Tanto nos medicamentos como nos cosméticos as vitaminas vêm sido utilizadas como suprimentos nutritivos para o organismo como um todo, órgãos, pele e cabelos.

A Vitamina C é antioxidante hidrossolúvel, sendo um grande inibidor de radicais hipoclorito, aniônicos, hidroxila e outras solúveis em água. O nível de vitamina C na epiderme chegam a ser cinco vezes superior na derme. É responsável pela  biossínteses do colágeno e elastina, pela  capacidade  de cicatrização da pele, no transporte de substâncias.  Em pesquisa in vitro verificou-se que estas associações da vitamina C e E, assim como Zinco, Magnésio ou Selênio são sinérgicos e aumentam a energia celular.

Complexo B

B1 – Tianina também apresenta efeitos antioxidante  protegendo o organismo da ação degenerativa dos radicais livre .

B5 – Ácido Pantotênico -Vitamina anti estress,auxilia na conversão de gordura ,carbohidratos e proteínas em trifosfato de Adenosina -ATP. Esta diretamente envolvida na formação de Neurotransmissores.

B6 – Sua forma ativa é o piridoxal fosfato- Melhora o Sistema imunológico e a produção de anti corpos. Melhora a absorção de gorduras ,proteínas ,da vitamina B12 e mantém o equilíbrio  de sódio e potássio.

B12-Auxilia na formação de células  e na manutenção da longevidade celular . previne lesões neurológicas . Esta relacionada  á produção de acetilcolina, um neurotransmissor que assiste a memória e a aprendizagem.

VITAMINA E

Também conhecida com tocoferol é um poderoso antioxidante que ajuda a evitar o câncer bloqueando a peroxidação lipídica, oxidação das gorduras polinsaturadas em radicais livre. Exerce papel decisivo no funcionamento  do sistema imunológico.A vitamina E funciona de maneira sinérgica com as vitaminas A e C e com o selênio ,com o qual tem afinidades especiais.

B Carotenos – É um precursor da vitamina A. As propriedades anti-radicais livres do B caroteno, a tempo já são conhecidas na gêneses dos carcinógenos cutâneo.Agem sobre as células imuno -competentes, aumentando os linfócitos T e as células Killers. Inibe o oxigênio Singlete. A partir destas propriedades, é possível que o B caroteno tenha ação antienvelhecimento.

MINERAIS – OLIGOELEMENTOS

“Os minerais são catalizadores que despertam as afinidades adormecidas ”

Os oligoelementos, em sua função orgânic,a sintetizam as reações físico-química e enzimáticas indispensáveis à vida. Tem ação biocatalizadora que permite às células manterem o nível energético indispensável ao seu perfeito metabolismo, favorecendo as trocas intracelulares.

Os oligoelementos participam em todas as funções e mudança biológicas da pele: Catalise, metabolismo celular, hidratação e fixação das vitaminas e proteínas. A nível da pele, é na derme que os minerais ou oligoelementos tem sua maior atividade, sendo assim a sua concentração deve ser sempre equilibrada. A carência destes elementos levam á desidratação, ao envelhecimento precoce, ao desequilíbrio funcional de assimilação e eliminação. Provocando degeneração celular.

IMPORTÂNCIA DOS OLIGOELEMENTOS

CÁLCIO – É necessário para formação de ossos e dentes fortes e para manter a saúde das gengivas. Provê a energia necessária, além da participação  da formação proteica da RNA e do DNA. Esta envolvida diretamente na ativação de várias enzimas, incluindo a lípase, que desdobra as gorduras no organismo. Mantém a permeabilidade adequada da membrana celular, aumenta atividade neuromuscular, aumenta a elasticidade para manter a saúde da pele. Pode ser usado como reparador dos fios de cabelo, assim como reparador das unhas fracas e desvitalizadas, promove a hidratação da pele.

Cobre  – Esta diretamente envolvido no processo de cicatrização, na produção de energia e na manutenção do paladar. É essencial para formação de colágeno, uma das proteínas fundamentais que produz ossos, pele e tecido conectivo, além da produção de melanina. Mantém em equilíbrio o zinco e a vitamina C.

A carência do cobre inclui anemia, calvíce, diarréia, fraqueza geral e alteração do sistema respiratório. Deve ser utilizados nos tratamentos de hipocromia, vitiligo e Bitot.

ENXOFRE  –  É um mineral formador de ácido que parte da estrutura de aminoácido como metionina, cisteína, taurina, e glutadiona.  Biocatalítico, purifica e dessensibiliza a pele. Ajuda o organismo a resistir a bactéria e protege o protoplasma da célula.

FERRO – Aumenta a respiração celular, promove as transferência de elétrons. A carência leva a anemia, cabelos opacos, queda de cabelos, fadiga, inflamação no tecido da boca.

MANGANÊS –  Ação específica na biossíntese do colágeno e Elastina. É utilizado na produção de energia é fundamental para o crescimento normal dos ossos e sua reprodução. Tem maior funcionalidade na presença do complexo B e vitamina E. A carência esta associada  a diminuição antioxidante de superóxido dismutase, encontrada na mitocôndria. Pode ser utilizados em pacientes com dermatites, despigmentação dos cabelos (cabelos brancos) diminuição dos fios dos cabelos.

MAGNÉSIO – Fixação de íons de potássio e Cálcio.  Aumenta a atividade do sistema imunológico e de defesa. Antialérgico. É responsável por mais de 600 reações enzimática no nosso organismo. hidrata a pele.

OURO – Ação anti inflamatória, Equilibra o PH da pele, promove as trocas de elétrons é o maior condutor nobre de eletricidade. É usado desde a antiguidade em peles sensíveis, dermatites, acne, celulite e em tratamentos rejuvenescedores.

SELÊNIO  – Inibe a ação oxidativa dos peróxidos lipídicos. Potencializa a vitamina E agindo sinergicamente para auxiliar na produção de anticorpos. Melhora a elasticidade da pele. Utilizados em tratamento para seborreia capilar, acne, envelhecimento cutâneo.

SILÍCIO – É necessário para o formação do colágeno, inibe os efeitos nocivos do alumínio. Estimula o sistema imunológico e inibe o processo de envelhecimento do tecido. Ação hemostática, purificante, remineralizante, adstringente. Reidrata a pele, a mucosa e reduz inflamações. Melhora a elasticidade da pele e seu equilíbrio coloidal.

ZINCO – É fundamental nas sínteses proteicas e na formação colágeno, ajudando a promover um sistema imunológico equilibrado. Pode ser utilizado nos tratamento de apoio em pacientes de acne. Regulador da atividade das glândulas sebáceas. Junto com vitamina A  acelera o processo de cicatrização da pele. A carência pode levar a unhas fracas, esbranquiçadas, perda do olfato e paladar.

Os minerais são catalizadores que permitem  equilíbrio energético da célula.  São condutores  da bioeletricidade. Estudo realizado pelo Dr. Farris  demonstrou que pessoas portadoras de feridas que não cicatrizavam  mantinham uma baixo nível de energia.

Curiosamente neste estudo também constataram baixo nível de bieletricidade no envelhecimento da pele. As células para manter um equilíbrio de cargas entre o meio intra e extracelulares possuem um sistema de bomba que pode quando há diferença de carga elétrica, fazer passar átomos carregados através da membrana celular .

ASSOCIAÇÕES DOS MINERAIS

MANGANÊS + COBRE = Ação desensibilizante.

ZINCO + COBRE = Desintoxicante e modificador de terreno.Tratamento do acne ,furunculose

SILÍCIO /OURO, MAGNÉSIO, SELÊNIO = Remineralizante , Rejuvenescedor ,purificante ,reduz inflamações ,melhora a elasticidade da pele .Nos tratamentos para celulite.

COBRE, MANGANÊS, SELÊNIO = Anti radicais livre, dos tratamentos de dermatite,  despigmentação da pele, ação anti inflamatória, fortalecimento dos cabelos.

MANGANÊS + MAGNÊSIO+OURO +SILÍCIO = Diminui as reações adversas da pele. Aumenta a resistência e sistema imunológico da pele.

ZINCO + OURO + SILÍCIO +SELÊNIO = Nos tratamentos anti acne, seborréia, hipercromias, estrias escuras.

ZINCO + SELÊNIO + COBRE + MANGANÊS = Nos tratamento das estrias brancas e flacidez

 

Mais informações

(11) 5579.3862 (São Paulo) / 0800.580.0831 (Outros Estados)

www.peelline.com.br / atendimento@peelline.com.br

Show Room: Rua Capitão Macedo, 217 – Vila Clementino – São Paulo/SP

 

 

Referência bibliográficas:

Scotti L. Ação dos radicais livres sobre a pele e o emprego de substâncias antioxidante em formulação cosméticas.

Thiele jj, Dreher F,Packer.  Antioxidant defense systems in skin

Efrain olswer – Clinica Ortomolecular.

Luciana Scotti ,Maria Valéria Robles Velasco- Envelhecimento Cutâneo á Luz da Cosmetologia



WordPress Video Lightbox
ENTRE EM CONTATO.
FALE CONOSCO OU ENVIE SUA MENSAGEM AGORA MESMO.
AQUI, NO SITE BELEZA TODAY, ESTAMOS SEMPRE PRONTOS A ATENDER A SUA SOLICITAÇÃO!


comercial@belezatoday.com.br | tel.: (+55 21) 2284-4336