Acne em adultos atinge mais a região do queixo

A acne é um problema comumente relacionado aos adolescentes, atingindo cerca de 90% da população nesta faixa etária. Porém, um estudo publicado no último ano na revista médica Clinical, Cosmetic and Investigational Dermatology apontou um aumento significativo em adultos lidando com a condição, que atinge principalmente a região do queixo. E as principais afetadas pelo problema são as mulheres com mais de 25 anos. “Isso por que os períodos menstruais e o uso de pílulas anticoncepcionais pelas mulheres, além da falta de sono e o estresse, podem causar um desequilíbrio hormonal, que é o principal culpado pelo surgimento de acne na região do queixo. Além disso, o queixo é uma área constantemente tocada pelas nossas mãos, o que carrega sujeira e óleo ao rosto, que, quando combinados a oleosidade e outras impurezas já presentes na região, pode levar ao entupimento dos poros e, consequentemente, ao surgimento de acne”, explica a dermatologista Dra. Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia.

Em mulheres adultas, a acne costuma surgir na região do queixo

Mas, afinal, como livrar-se da acne no queixo? O primeiro passo é não espremer, pois o hábito pode favorecer o surgimento de cicatrizes. Em seguida, é fundamental que você adote uma rotina de limpeza e cuidados com a pele e a siga fielmente e corretamente. “Geralmente, esta rotina inclui a higienização da pele de manhã e a noite com um sabonete líquido com ativos como ácido salicílico e glicólico, que ajudam a quebrar as ligações entre as células mortas, eliminando-as da superfície da pele e removendo o excesso de óleo sem perturbar o equilíbrio do pH do tecido. O dermatologista também pode recomendar secativos e cosméticos concentrados para o tratamento de áreas específicas. Estes normalmente contêm ingredientes que funcionam em nível celular profundo, absorvendo a oleosidade em excesso que causa as espinhas e comedões”, afirma a Dra. Valéria. Além disso, é essencial também o uso de hidratantes leves com ativos que atuem no controle da oleosidade e um fotoprotetor para evitar a formação de manchas e cicatrizes. “Em casos mais graves, o médico pode prescrever antibióticos orais e tópicos para o tratamento da condição, como a isotretinoína.”

Além dos cuidados com a pele, é fundamental dar atenção a sua alimentação, pois o que você come interfere diretamente com seus hormônios e com sua pele. Por exemplo, alimentos que contam com farinha branca, como pães e massas, são alguns dos principais causadores de quadros acneicos, pois são ricos em carboidratos simples que aumentam a produção de insulina, substância que favorece a produção de hormônios que estimulam a pele a secretar grandes quantidades de óleo e de sebo, o que aumenta a probabilidade de desenvolver acne. “Alimentos derivados do leite também estão relacionados ao aparecimento da acne, pois, no leite, existem muitos hormônios biodisponíveis que podem estimular as glândulas sebáceas a produzirem mais oleosidade”, alerta a dermatologista. “Alimentos gordurosos no geral também favorecem muito o surgimento da acne, pois acabam estimulando a pele a produzir mais gordura através das glândulas sebáceas. Uma dieta mais gordurosa também faz com que sejam liberadas substâncias inflamatórias que podem estar relacionadas ao desencadeamento da acne.”

O ideal então é apostar em alimentos que auxiliam no combate do quadro acneico e adotá-los em suas refeições. Agrião, espinafre, brócolis e couve, por exemplo, são ótimas opções, já que são ricos em clorofila, que ajuda a limpar bactérias e toxinas do trato digestivo e da corrente sanguínea. Além disso, alguns nutrientes são fundamentais no combate a acne, como o zinco, presente nos frutos do mar, frango, girassol e abóbora, nozes e leguminosas. Isso por que, segundo a Dra. Valéria, o zinco mata as bactérias causadoras da acne e diminui a inflamação, além de ser um poderoso antioxidante que protege sua pele dos agressores ambientais como a poluição. “As vitaminas também são importantes para aliviar a acne. Por isso, consuma alimentos ricos em Vitamina A, como vegetais verde escuros ou de coloração alaranjada, Vitamina B5, como abacate e batata doce, e Vitamina C, como laranja, goji berry, acerola, limão. Mas se você quer se ver realmente livre da acne, o mais importante é que você consulte um dermatologista. Apenas ele poderá avaliar a sua pele e dar as melhores recomendações para o seu caso”, finaliza a Dra. Valéria

Fonte: Dra. Valéria Marcondes – Dermatologista da Clínica de Dermatologia Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia com título de especialista e da Academia Americana de Dermatologia. Foi fundadora e é membro da Sociedade de Laser.



WordPress Video Lightbox
ENTRE EM CONTATO.
FALE CONOSCO OU ENVIE SUA MENSAGEM AGORA MESMO.
AQUI, NO SITE BELEZA TODAY, ESTAMOS SEMPRE PRONTOS A ATENDER A SUA SOLICITAÇÃO!


comercial@belezatoday.com.br | tel.: (+55 21) 2284-4336